Branquinho BÁSICO

A dupla escova e pasta de dentes continua infalível na conquista de um belo sorriso. Mas você pode ir muito além. WOMEN’S HEALTH selecionou 26 dicas que garantem dentes lindos e saudáveis. Vale até beijar na boca!




1. Beije na boca Quando você beija, as glândulas salivares que fi cam embaixo da língua e nas bochechas aumentam o estímulo de salivação. A saliva — que contém água, proteínas e sais minerais — combate a formação de placa bacteriana.

2. Abaixo o ácidoApesar de não manchar como o vinho tinto, o branco também estraga seu sorriso. “O ácido contido nele dissolve o esmalte, criando uma superfície áspera que permite maior adesão de pigmentos de bebidas e comidas”, diz Mark Wolff, da Universidade de Nova York, autor de um estudo sobre o tema. Para reduzir o estrago, evite comer amora, chocolate e outros alimentos escuros junto com vinho branco ou após bebê-lo.

3. Fique de olho na tabelinha Alterações hormonais da menstruação favorecem o surgimento de infl amações gengivais. “Elas não são sufi cientes para causar mau hálito, mas podem exacerbá-lo se a higienização não for correta”, afi rma Caroline Calil, que defendeu essa tese em seu doutorado na Unicamp. A dica é beber mais água no período entre os cinco dias pré-menstruais e o fi m da menstruação.

4. Dê um gole Quando sentir a boca secar, recorra à água. Os refrigerantes e sucos contêm açúcares que ativam a proliferação de bactérias. Se quiser beber refrigerante, escolha o diet, que possui menos sacarose e exige menor atividade das bactérias da boca.

5. Pingue leite As apaixonadas pelo expresso não precisam abandonar o hábito. Ao adicionar leite à xícara de café, você diminui a concentração das substâncias que mancham os dentes. O que viria com 100% de força, agora chega com 90, 80, 70%. Logo, quanto mais clarinho, melhor. Experimente esta proporção: um terço de leite para dois de café.

6. Encare o motorzinho Aviso às diabéticas: um estudo da Universidade do Texas, nos EUA, mostrou que a periodontite interfere no controle metabólico da doença. Que tal agendar uma limpeza no dentista?

7. Vá de branco É bom lembrar que o aspecto amarelado dos dentes não é necessariamente sinônimo de má escovação. O escurecimento é consequência da alimentação, dos hábitos e do passar dos anos. Os vilões mais conhecidos que você deve evitar: cigarro, café, refrigerante, vinho e chá-preto.

8. Fala que todos escutam Tagarelar ajuda a manter a boca limpa, porque o ato da fala produz saliva, a grande higienizadora bucal. “A saliva carrega substâncias que funcionam como pequenos soldados, impedindo a proliferação de bactérias”, diz Débora Ayala, presidente do Instituto Latino-Americano de Odontologia. Ótima desculpa para correr para o telefone.

9. Respeite o intervalo Uma conhecida inimiga da perfeição também atrapalha o seu sorriso: a pressa. Escovar os dentes logo após as refeições, por mais higiênico que pareça, não é uma boa ideia, especialmente se você tiver consumido alimentos cítricos. É que o ácido corrói o esmalte dental e, se a escova e a pasta entram logo em ação, vão ajudar a destruir ainda mais essa proteção natural. “A escovação imediata prejudica principalmente quem tem raízes expostas ou sensibilidade”, diz Giuseppe Romito, professor de periodontia da Universidade de São Paulo e presidente da Sociedade Brasileira de Periodontologia. O ideal, segundo o especialista, é esperar de 20 a 30 minutos para fazer a faxina.

10. Encontre o creme ideal Diante de tantas opções, qual pasta escolher? Temos algumas dicas. Lançada este ano no país, a Oral-B Pro-Saúde combina fl uoreto estanoso — cuja função é proteger contra placa bacteriana, gengivite, cárie, sensibilidade e mau hálito — e hexametafosfato de sódio, que atua na remoção de manchas e na prevenção do tártaro. Outra opção é a Colgate Total 12. Seu ingrediente triclosan previne o surgimento de cárie, placa bacteriana, tártaro, mau hálito e problemas de gengiva. A sensação de limpeza permanece na boca por mais tempo. Já para quem tem dentes sensíveis existe a Sensodyne Pro-Esmalte, que contém nitrato de potássio e pH neutro justamente para aliviar a sensibilidade e ser menos agressiva ao esmalte.

11. Seja CDF Você escova os dentes quantas vezes por dia? A tarefa pode ser executada apenas duas vezes, desde que cada escovada seja benfeita. “O ciclo bacteriano dentro da boca atinge seu pico a cada 12 horas”, afi rma Romito. Mas fi que esperta: a regra só vale para quem realiza a higienização completa, com escovação caprichada e fi o dental.

12. Mostre a língua Às vezes não é um resto de alimento ou um distúrbio na gengiva que causam o mau hálito. Muito menos um problema no sistema digestivo. A língua é responsável por 80% dos casos, por acumular bactérias e restos de comida que não saem com a escovação dos dentes e o bochecho com água. O jeito é incluir a língua no pacote da faxina. Terminada a limpeza dos dentes, abra a boca e mostre a língua ao espelho. Observe que, do centro dela para trás, há uma camada esbranquiçada. Trata-se da placa bacteriana conhecida como saburra. Com um limpador específi co ou a escova, esfregue essa parte delicadamente até ela fi car da cor rósea da ponta da língua.

13. Masque chiclete Se você for apaixonada por gomas de mascar, prefi ra as sem açúcar. Assim, as bactérias da boca não são estimuladas. De certa forma, o chiclete ajuda a higienizar a cavidade bucal, porque estimula a salivação. Só fi que atenta àqueles que prometem clarear o sorriso — o resultado é praticamente nulo.

14. Feche a boca Uma pesquisa descobriu ligações entre uma bactéria na boca e a obesidade. Ao avaliar 313 mulheres com sobrepeso ou obesidade de nível 1, pesquisadores da Unicamp e do Instituto Forsyth, nos EUA, encontraram em 98% delas alta quantidade da bactéria Selenomonas noxia, enquanto 80% das voluntárias magras não tinham o micro-organismo. Os cientistas recomendam a visita frequente ao dentista e o cuidado com a higiene bucal diária, já que a Selenomonas noxia costuma ser encontrada em pacientes com periodontite.

15. Dê preferência a cereais, vegetais e frutas. Os alimentos com fi bras contêm menos açúcares e precisam ser mastigados mais vezes, o que estimula a produção de saliva.

16. Clareie as ideias A forma mais rápida e prática de fi car bem na foto é se submeter a um clareamento dental. Segundo a Sociedade Brasileira de Odontologia Estética, mais de 2 milhões de brasileiros já realizaram o tratamento. Há aparelhos que usam laser, leds ou luz ultravioleta para clarear o sorriso. “Mas a técnica que ainda oferece mais segurança é a caseira, em que a paciente usa uma moldeira com géis clareadores de baixa concentração”, diz José Roberto Moura, presidente da Federação Internacional de Odontologia Estética. Quem tem sensibilidade pode optar por marcas com menor concentração do alvejante peróxido de carbamida — em torno de 7,5%.

17. Tome suplementos Diversos estudos mostram que a ingestão de vitamina C auxilia na formação do colágeno, presente na gengiva. “Há indícios de que ela também atua nas mucosas, o que melhoraria a salivação”, afi rma Débora Ayala.

18. Peça um canudinho O suco de laranja não está no grupo de amigos do sorriso. “Ele tende a dissolver minerais na estrutura dos dentes, o que causaria impactos diretos na consistência do esmalte”, explica Hans Malmstrom, da Universidade de Rochester, nos EUA. Esse e outros sucos cítricos, como de abacaxi e limão, desgastam o esmalte em mais de 80%. Como você não vai — nem deve — deixar de bebê-los, uma dica para aliviar a acidez é usar um canudinho para empurrar o líquido para a garganta.

19. Embarque na moda chinesa Tomar chá-verde ajuda a deixar seu sorriso mais saudável e bonito. Pesquisadores da Universidade de Kyushu, no Japão, mostraram que pessoas que o bebem com frequência apresentam menos doenças periodontais. A ação da catequina deve explicar o fenômeno, pois a substância tem efeito antioxidante. O lado B: pesquisas revelaram que a bebida escurece os dentes. A dica é beber com moderação.

20. Faça o bem em dose dupla Na gravidez, o cuidado com os dentes deve ser dobrado. Afi nal, além de você, a gengivite gravídica afeta seu bebê. Um estudo da American Association for Dental Research aponta que grávidas com problemas periodontais têm duas vezes mais chance de dar à luz prematuramente. Para afastar o problema, faça bochechos com uma solução de fl úor sem álcool — o elemento será incorporado à dentição do nenê.

21. Use com moderação Dentes não foram feitos para rasgar embalagens, morder lápis ou segurar presilhas. “Exageros levam à danifi cação do esmalte ou ao trincamento de dentes”, afi rma Marcelo Fonseca, da Sociedade Brasileira de Odontologia Estética. “Evite o problema deixando a boca trabalhar no que foi programada.”

22. Lembre-se que é tudo farinha do mesmo saco Uma pesquisa da Universidade de Washington, nos EUA, põe os carboidratos fermentáveis na mesma categoria. “Frutas, doces, pães e cereais têm igual potencial de causar cáries”, diz Phillipe Johel, coautor do estudo. Restrinja os carboidratos às refeições.

23. Fuja do pé de moleque Mastigar alimentos duros e quebradiços danifi ca o esmalte do dente. Não empregue uma força desnecessária para quebrar gelo ou um grão de pipoca, por exemplo.

24. Acalme os nervos Inimigo número 1 do corpo e da mente, o stress também interfere na saúde bucal. Ele colabora para o aparecimento do mau hálito porque diminui a produção de saliva. Um estudo publicado no Journal of Periodontology também relaciona o mal a doenças da gengiva — e há indícios de que os estressados diminuem a frequência de escovação.

25. Sorria! O mesmo estudo diz que a depressão interfere na saúde bucal. As variações hormonais altas da depressão ou até a preferência do doente de ingerir carboidratos e doces, em busca da compensação do prazer no paladar, facilitaria o surgimento de doenças na gengiva e de cáries. Quem diria que sorrir deixa o sorriso mais bonito?

26. Faça bochechos Minutos depois de beber refrigerante ou vinho, faça um bochecho com água. Isso vai ajudar a eliminar substâncias ácidas que escurecem seu cartão de visita. Meia hora depois, é claro, a escovação termina o serviço.

Ótimas dicas né amores? Gostaram? Comentem e... Bora beijarrr muitooooo.

Colaboradora:
Renata Manfredi 


5

5 comentários:

Anita disse...

dicas de ouro, curti o post.

http://anitamakingof.blogspot.com.br

Ana Carolina disse...

Dicas infalíveis haha

Beijoos!
http://simplesglamour.blogspot.com.br/

Alice Rodrigues disse...

Ótimo post,gostei muito das dicas e superválidas,curti!!

Maria apª disse...

Este Post está tudo de bom falando sobre a saúde dos dentes e como mante-los Brancos ameii.
Beijos.

Nayara Jardim disse...

Aaain adorei as dicas!
Mas o que mais amarela meus dentes acho que é o café, que não consigo ficar sem! rsrs

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...